MORTUGABA – SÃO JOSÉ
15-02-2018
Paróquia de Mortugaba realiza estudo sobre a Campanha da Fraternidade 2018
Artigos
14-02-2018
“Dar o que puderdes para ajudar os irmãos!”, pede o Papa para o tempo da Quaresma
Notícias
14-02-2018
Esmola, jejum e oração: tripé da espiritualidade quaresmal
Notícias
14-02-2018
Aberta a Campanha da Fraternidade de 2018; saiba como foi
HORÁRIO DE MISSA

Notícias

Papa: a vaidade é a osteoporose da alma

22-09-2016 | Da Rádio Vaticana

Papa Francisco duranre a Missa em Santa Marta - OSS_ROM

Papa Francisco duranre a Missa em Santa Marta – OSS_ROM

Quinta-feira, 22 de setembro, na Missa em Santa Marta o Papa Francisco afirmou que a vaidade é a osteoporose da alma. O Evangelho do dia apresenta-nos o rei Herodes inquieto porque, depois de ter morto João o Batista, agora sente-se ameaçado por Jesus. Estava preocupado como o pai, Herodes o Grande, depois da visita dos reis magos – afirmou o Papa.

Segundo o Santo Padre, Herodes tem na alma duas inquietações: aquela boa “que nos dá o Espírito Santo e faz com que alma esteja inquieta para fazer coisas boas” e a “inquietação má, aquela que nasce de uma consciência suja”. E os dois Herodes resolviam as suas inquietações “matando” e passando “por cima dos cadáveres” – disse Francisco:

“Esta gente que fez tanto mal, que faz mal, tem a consciência suja e não pode viver em paz, porque vive numa comichão constante, numa urticária que não os deixa em paz… Esta gente praticou o mal, mas o mal tem sempre a mesma raiz, todo o mal: a avidez, a vaidade e o orgulho. E os três não deixam a consciência em paz; os três não deixam que a inquietação saudável do Espírito Santo entre, mas levam a viver assim: inquietos, com medo. Avidez, vaidade e orgulho são a raiz de todos os males”.  Leia mais »

Tags:
Notícias

Riacho de Santana realiza encontro de formação litúrgica

14-06-2016 | Da Redação PASCOM, com informação do Pe. Izaías Afonso

Formação Litúrgica em Riacho de Santana

Formação Litúrgica em Riacho de Santana

Mergulhados na proposta diocesana de promover uma adequada vivência litúrgica em todos os níveis eclesiais, além de uma permanente formação litúrgica, a Paróquia Nossa Senhora da Glória, em Riacho de Santana, realizou no último domingo, dia 12, o Primeiro Encontro de Formação Litúrgica.

O encontro realizado pela manhã, na casa da Catequese, foi ministrado pelo Pe. João de Sá Teles, Coordenador Diocesano de Liturgia. A proposta pastoral se baseou na participação comunitária, visando a formação litúrgica, preparação e realização das celebrações.

Para os diversos representantes de comunidades da sede, pastorais, grupos e movimentos de Riacho de Santana, o encontro serviu para trabalhar, também, temas como: equipe pastoral, calendário litúrgico, ritos, cânticos, espaço celebrativo e suas especifidades e decoração, na perspectiva de elucidar aos participantes sobre a promoção da vida litúrgica como ação celebrativa do Mistério Pascal de Jesus Cristo, integrando as diferentes equipes de celebração da Palavra de Deus, da Eucaristia e dos demais sacramentos e sacramentais.

Formação Litúrgica em Riacho de Santana

Formação Litúrgica em Riacho de Santana

“Liturgia é uma ação sagrada, através da qual, com ritos, na Igreja e pela Igreja, se exerce e prolonga a obra sacerdotal de Cristo, que tem por objetivos a santificação dos homens e a glorificação de Deus” (SC 7).

Para o Pe. Izaías Afonso, pároco de Riacho de Santana, “A liturgia é a continuidade do plano de salvação do Pai, através da presença mística de Cristo nos sacramentos, que são administrados e perpetuados pela Igreja. É a ação do Povo de Deus, reunido em Jesus Cristo, na comunhão do Espírito Santo. É sempre uma celebração de Mistério Pascal, isto é, passagem da morte para vida, através de sinais, gestos e palavras. A liturgia é ação de Cristo na Igreja”, pontuou o padre.

CAETITÉ – SENHORA SANT’ANA

Padres do Zonal 4 preparam formação para as Paróquias em 2016

26-02-2016 | Da Redação PASCOM

Padres do Zonal 4 se reúnem elaborando encontros de formação.

Padres do Zonal 4 se reúnem elaborando encontros de formação.

Elaborar um roteiro de atividades para zonal quatro da Diocese de Caetité. Foi por esse motivo que os padres Isaías Afonso e Lely Almeida, de Riacho de Santana, Paulo Henrique, de Igaporã e os padres Mons. Adhemar, Eduardo e João Silva, de Caetité e Lagoa Real, se reuniram.

O objetivo deste roteiro de atividades é proporcionar a formação às comunidades, e realizar encontros e retiros, proporcionando, também, uma aproximação entre as paróquias do zonal.  Leia mais »

Tags:
Artigos

O que muda nas celebrações no Tempo da quaresma?

18-02-2016 | Por Pe. João Silva de Sá Teles

No período da quaresma, algumas mudanças colaboram para melhor vivenciarmos esse tempo. Foto: Luan Vinicius Ferreira/PASCOM

No período da quaresma, algumas mudanças colaboram para melhor vivenciarmos esse tempo. Foto: Luan Vinicius Ferreira/PASCOM

Estimado leitor!

Com a celebração da Quarta-feira de Cinzas, iniciamos o caminho quaresmal. É um caminho marcado pela oração, caridade e penitência. Quer nos preparar para celebrarmos, jubilosos, a Ressurreição do Crucificado e, na vigília pascal, renovarmos o nosso batismo.

Para esta preparação convém perguntar-nos: O que muda nas celebrações no Tempo da quaresma?

Durante essa caminhada, recebemos da Liturgia da nossa Igreja as seguintes orientações:  Leia mais »

Página 1 de 11
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com