IUIÚ – SANTA LUZIA
14-12-2017
Iuiu celebra festa da padroeira Santa Luzia
Notícias
14-12-2017
Infância e Adolescência Missionária de Urandi realiza confraternização de fim de ano
DIOCESE
14-12-2017
Em avaliação, ECC diocesano realiza planejamento para o próximo ano
Notícias
14-12-2017
VII encontro das CEBs é realizado em Urandi
HORÁRIO DE MISSA

DIOCESE

Ano do Laicato tem início neste domingo com Solenidade de Cristo Rei

24-11-2017 | Por Portal A12

A Igreja no Brasil vai celebrar, no período de 26 de novembro de 2017, Solenidade de Cristo Rei, à 25 de novembro de 2018, o “Ano do Laicato”. O tema escolhido para animar a mística do Ano do Laicato foi: “Cristãos leigos e leigas, sujeitos na ‘Igreja em saída’, a serviço do Reino” e o lema: “Sal da Terra e Luz do Mundo”, Mt 5,13-14. Segundo o Bispo de Caçador (SC), Dom Severino Clasen, presidente da Comissão Episcopal Especial para o Ano do Laicato, já era um desejo da comissão dar novo impulso, incentivo e estímulo a temática.

“Sabemos que há uma grande satisfação do laicato no serviço com a Igreja, sobretudo na sua intervenção e no seu testemunho dentro da sociedade. Muitas vezes eles são esquecidos ou pouco valorizados”, diz o Bispo.

Divulgação/Portal A12

Para tal, o Ano do Laicato vai desenvolver diversas atividades para criar consciência do papel do leigo na Igreja. Por exemplo, serão publicados livros que refletirão sobre os leigos. Essas publicações devem criar consciência do papel deles na Igreja, acontecerão seminários regionais e nacionais para despertar e motivar a participação, haverá a visita da Imagem da Sagrada Família, encontros e reflexões em todo o país. “É um momento oportuno para uma reflexão e desperta a consciência de que o cristão não é cristão só dentro da Igreja”, aponta. Outro momento forte ocorrerá de 23 a 27 de janeiro, o intereclesial, que refletirá sobre pastoral urbana, falando da reflexão e o cuidado com a vida.

O Ano do Laicato terá como objetivo geral: “Como Igreja, Povo de Deus, celebrar a presença e a organização dos cristãos leigos e leigas no Brasil; aprofundar a sua identidade, vocação, espiritualidade e missão; e testemunhar Jesus Cristo e seu Reino na sociedade”.

Pretende ainda: Dinamizar o estudo e a prática do documento 105: ‘Cristãos leigos e leigas na Igreja e na Sociedade’ e demais documentos do Magistério, em especial do Papa Francisco, sobre o Laicato; e estimular a presença e a atuação dos cristãos leigos e leigas, ‘verdadeiros sujeitos eclesiais’ (DAp, n. 497a), como “sal, luz e fermento” na Igreja e na Sociedade.

Notícias

Catequistas de Riacho de Santana participam de Manhã de Espiritualidade

19-11-2017 | Por Pe. Izaías Afonso/Pároco de Riacho de Santana

Catequistas de Riacho de Santana vivem Manhã de Espiritualidade neste domingo. Foto: PASCOM

O cuidado com a Espiritualidade do Catequista se faz prioridade. É a Espiritualidade que mantém acesa a chama do Amor – Encontro com Deus e da Missão do Catequista. Sem espiritualidade o cansaço, o desânimo, o ativismo, tomam conta. Pensando nisto que neste domingo, dia 19 de novembro, no Centro de Treinamento de Líderes (CTL), de Riacho de Santana, a Paróquia Nossa Senhora da Glória realizou uma Manhã de Espiritualidade com os catequistas, e contou com a participação de mais de 40 fiéis, que tiraram uma manhã inteira para dedicar-se exclusivamente à oração e à formação, pois “não só de pão vive o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus”, conforme nos recordou o próprio Senhor ao se retirar para o deserto (Mt 4,4; cf. Dt 8,3). Leia mais »

DIOCESE

Não responder intolerância com intolerância, diz Presidente da CNBB

24-10-2017 | Da Rádio Vaticana

Responder com intolerância não ajuda a superar a intolerância ou a agressividade, diz Dom Sérgio – AFP

Cidade do Vaticano (RV) – Exposições com uso de símbolos religiosos e abordando de forma polêmica questões da sexualidade, provocaram discussão na sociedade brasileira, ferindo não poucas sensibilidades e levando ao questionamento sobre o limite da arte.

O Cardeal Arcebispo de Brasília e Presidente da CNBB, Dom Sérgio da Rocha, o Secretário da entidade, Dom Leonardo Steiner e o Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger – em visita à Rádio Vaticano – falaram sobre este tema:  Leia mais »

DIOCESE

Diocese participa de Assembléia em Livramento de Nossa Senhora

30-09-2017 | Por PASCOM DIOCESANA

Dom Armando Bucciol, bispo da Diocese de Livramento de Nossa Senhora, assessora o encontro. Foto: Anderson Ferreira/PASCOM DIOCESE DE CAETITÉ

Coordenadores e representantes de pastorais e movimentos da Diocese de Caetité, entre eles padres, religiosas, leigos e o bispo Dom Carvalho, participam até amanhã, em Livramento de Nossa Senhora, da Assembléia da Sub-região 4 do Regional Nordeste 3 da CNBB.

A assembleia é assessorada por Dom Armando Bucciol, bispo de Livramento, e conta com a participação de mais de 100 pessoas das Dioceses de Caetité, Livramento de Nossa Senhora, Jequié e da arquidiocese de Vitória da Conquista.

A assembleia faz um estudo do documento 107 da CNBB, que trata da “Iniciação à vida cristã: itinerário para formar discípulos missionários “. O texto foi aprovado pela 55ª Assembleia Geral da CNBB e recebe o número de 107 da coleção azul da Conferência.

Notícias

Nota dos Bispos da Bahia e Sergipe sobre o momento nacional

15-03-2017 | CNBB Nordeste 3

CNBB Regional Nordeste 3

“Não nos deixamos abater” (2 Cor 4,16).

Nós, bispos da Bahia e Sergipe, Regional Nordeste 3 (NE 3) da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), reunidos em Assembleia, de 13 a 15 de março de 2017, em Salvador, refletimos e rezamos sobre o momento nacional.

Na convivência de pastores com o nosso povo, percebemos a sua imensa angústia e apreensão diante do que está acontecendo no país: caos na saúde, milhões de desempregados, violência, criminalização dos movimentos sociais, corrupção em vários segmentos, pessoas de duvidosa reputação em postos de comando. Para culminar, as propostas de reformas do Governo Federal, especialmente a previdenciária, ameaçam os direitos sociais adquiridos pela Constituição Cidadã de 1988, penalizando, sobretudo, os mais pobres e vulneráveis.

Compreendemos a necessidade de diversas reformas para aprimorar o Estado Brasileiro, entretanto elas não devem violar direitos adquiridos e os deveres em relação ao bem comum. Conscientes de que somos chamados a ouvir os clamores dos mais necessitados, manifestamos nosso apoio e solidariedade ao povo, às suas organizações e a todas as entidades que lutam em defesa dos mais pobres.

Exortamos os parlamentares a serem sensíveis aos clamores do povo brasileiro. “Ninguém pode se sentir exonerado da preocupação pelos pobres e pela justiça social” (Papa Francisco, Evangelii Gaudium, 202). Conclamamos nossas comunidades cristãs que se unam e não se deixem abater.

Na comemoração dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida, Rainha e Padroeira do Brasil, confiantes em sua materna intercessão, pedimos que ela alimente nossos sonhos e sustente nossa esperança.

Salvador (BA), 15 de março de 2017.
Em nome dos bispos do Regional Nordeste 3 da CNBB

Dom João Carlos Petrini
Presidente do NE3 da CNBB

Dom João José Costa
Vice-presidente do NE3 da CNBB

Dom Gilson Andrade da Silva
Secretário do NE3 da CNBB

Notícias

CNBB lança Campanha da Fraternidade 2017 nesta quarta-feira, em Brasília

28-02-2017 | CNBB

Com o tema “Fraternidade: biomas brasileiros e a defesa da vida”, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) abre oficialmente, na Quarta-feira de Cinzas, dia primeiro de março, a Campanha da Fraternidade 2017 (CF 2017). O lançamento será na sede da entidade, em Brasília (DF), e será transmitido ao vivo pelas emissoras de TV de inspiração católica, a partir das 10h45.

A campanha, que tem como lema “Cultivar e guardar a criação” (Gn 2.15), alerta para o cuidado da Casa Comum, de modo especial dos biomas brasileiros. Segundo o bispo auxiliar de Brasília (DF) e secretário geral da CNBB, dom Leonardo Ulrich Steiner, a proposta é dar ênfase à diversidade de cada bioma e criar relações respeitosas com a vida e a cultura dos povos que neles habitam, especialmente à luz do Evangelho. Para ele, a depredação dos biomas é a manifestação da crise ecológica que pede uma profunda conversão interior. “Ao meditarmos e rezarmos os biomas e as pessoas que neles vivem, sejamos conduzidos à vida nova”, afirma. Leia mais »

Notícias

CNBB emite nota contra o aborto diante da decisão do STF

02-12-2016 | Da CNBB

Os bispos conclamam as comunidades a se manifestarem publicamente em defesa da vida

Nesta quinta-feira, 01 de dezembro, a presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) apresenta nota oficial na qual reafirma a posição da Igreja de “defesa da integralidade, inviolabilidade e dignidade da vida humana, desde a sua concepção até a morte natural”.

Os bispos reafirmam também “incondicional posição em defesa da vida humana, condenando toda e qualquer tentativa de liberação e descriminalização da prática do aborto. Conclamamos nossas comunidades a rezarem e a se manifestarem publicamente em defesa da vida humana, desde a sua concepção”.

Leia a Nota:

 

NOTA DA CNBB EM DEFESA DA VIDA

“Propus a vida e a morte; escolhe, pois, a vida ” (cf. Dt. 30,19)

 

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, por meio de sua Presidência, manifesta sua posição em defesa da integralidade, inviolabilidade e dignidade da vida humana, desde a sua concepção até a morte natural (cf. Constituição Federal, art. 1°, III; 3°, IV e 5°, caput).

A CNBB respeita e defende a autonomia dos Poderes da República. Reconhece a importância fundamental que o Supremo Tribunal Federal (STF) desempenha na guarda da Constituição da República, particularmente no momento difícil que atravessa a nação brasileira. Discorda, contudo, da forma com que o aborto foi tratado num julgamento de Habeas Corpus, no STF.

Reafirmamos nossa incondicional posição em defesa da vida humana, condenando toda e qualquer tentativa de liberação e descriminalização da prática do aborto.

Conclamamos nossas comunidades a rezarem e a se manifestarem publicamente em defesa da vida humana, desde a sua concepção.

Nossa Senhora, Mãe de Jesus e nossa Mãe, interceda por nós, particularmente pelos nascituros.

 

Brasília, 1º de dezembro de 2016

 

Cardeal Sergio da Rocha
Arcebispo de Brasília-DF
Presidente da CNBB

Dom Murilo S. R. Krieger
Arcebispo de São Salvador-BA
Vice-Presidente da CNBB

Dom Leonardo Ulrich Steiner
Bispo Auxiliar de Brasília-DF
Secretário-Geral da CNBB

Notícias

Diocese de Caetité sedia assembleia da Pastoral Familiar do Nordeste 3

13-11-2016 | Por Fernando Souza, da Pastoral Familiar

O Regional Nordeste 3 (Bahia e Sergipe) da Pastoral Familiar realizou, pela primeira vez na Diocese de Caetité, a Assembleia Regional Pastoral, que contou com a presença dos casais diocesanos da Pastoral Familiar, além da participação dos Padres Assessores das Pastorais de diversas Dioceses do Regional. A Assembleia aconteceu nos dias 28,29 e 30 de outubro, no CTL de Caetité.

Durante a Assembleia, Dom Tiago, da Arquidiocese de Salvador, falou sobre o Código de Direito Canônico, com destaque para o processo de anulação matrimonial. O padre Pedro Júnior, de Feira de Santana, conduziu a palestra sobre a Exortação Apostólica pós-sinodal Amoris Laetitia, que fala sobre o amor na família. O casal de coordenadores do Regional, Antônio Carlos e Marili, falaram aos participantes sobre o perfil do agente da Pastoral Familiar.

O evento contou ainda com apresentações dos relatórios anuais das experiências realizadas nas dioceses.

Notícias

Em saudação, CNBB acolhe monsenhor José Roberto Carvalho

26-10-2016 | CNBB

Conferência Nacional dos Bispos do Brasil

Conferência Nacional dos Bispos do Brasil

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) divulgou saudação ao monsenhor José Roberto Silva Carvalho, nomeado pelo papa Francisco, nesta quarta-feira, dia 26, para a diocese de Caetité (BA). No texto, assinado pelo bispo auxiliar de Brasília e secretário geral da CNBB, dom Leonardo Steiner, o novo bispo é acolhido “com esperança no seio do nosso episcopado”. Para a CNBB, a trajetória de evangelizador no interior do Brasil “já o qualifica de modo muito especial para abraçar, com entusiasmo, essa nova missão que a Igreja lhe confia”.

Leia na íntegra:

Saudação da CNBB a Monsenhor José Roberto Silva Carvalho

Prezado Irmão.

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) manifesta sua alegria e o acolhe com esperança no seio do nosso episcopado. A trajetória de evangelizador no interior do Brasil já o qualifica de modo muito especial para abraçar, com entusiasmo, essa nova missão que a Igreja lhe confia. O pastoreio da Diocese de Caetité (BA) é, certamente, um desafio que se torna ainda mais belo ao ser iluminado pela Palavra do Senhor no diálogo com Pedro: “’Simão, filho de João, tu me amas? ’. Pedro respondeu: ´Sim, Senhor, tu sabes que eu te amo´. Jesus lhe disse: ´Apascenta as minhas ovelhas`” (Jo 21, 17).

A dedicação vivenciada na formação do clero por 15 anos também é um elemento significativo para a nova missão porque lhe aguarda agora de acompanhar e confirmar seus presbíteros na caminhada ministerial. E, claro, a vasta experiência paroquial o deixa em condições favoráveis, de algum modo, para o governo, o ensino e a santificação do povo de Deus.

A Diocese para a qual o Santo Padre o envia é uma preciosidade no Centro-sul do Estado da Bahia. Em seus mais 35 municípios divididos em 33 paróquias reunidas em 5 zonas pastorais, mais de meio milhão de pessoas aguardam sua presença e seu cuidado

Desejamos que seu pastoreio seja feliz e que a sua ação evangelizadora seja fecunda. E, por fim, saudamos sua chegada com uma palavra inspiradora do Papa Francisco, pronunciada no início do mês passado e dirigida aos novos bispos que participaram de um seminário para a evangelização dos povos: “Eu os encorajo a encontrar também as ovelhas que ainda não pertencem ao ovil de Cristo: de fato, a evangelização está essencialmente ligada à proclamação do Evangelho aos que ainda não conhecem Jesus Cristo ou que sempre o rejeitaram”.

Em Cristo,

Dom Leonardo Ulrich Steiner
Bispo Auxiliar de Brasília (DF)
Secretário Geral da CNBB

Notícias

20ª Assembléia do Nordeste 3 sobre família será realizada em Caetité

25-10-2016 | Por Anderson Ferreira/ PASCOM

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A Diocese de Caetité vai sediar, no próximo fim de semana, a 20ª Assembleia Ordinária da Comissão Regional da Pastoral Familiar, com o tema “O amor na família”. A Assembleia, que acontecerá em Caetité, é uma realização do Regional Nordeste 3 da CNBB, que compreende os estados da Bahia e Sergipe. Casais de 25 Dioceses e Arquidioceses do Regional vão participar do encontro.

“Vamos receber, para estes dias, casais referenciais da Pastoral Familiar de cada Diocese e Arquidiocese, bem como padres, que são diretores espirituais dessa mesma pastoral, e bispos. Da nossa Diocese, pedimos um casal de cada paróquia onde existe a  Pastoral”, destacou o padre José Rocha, pároco de Malhada de Pedras e responsável pela Pastoral Familiar na Diocese de Caetité.

Diante das adversidades que afligem a família, serão trabalhados temas como a Reforma do Processo Canônico, a Exortação Apostólica AmorisLaetitia (Alegria do Amor), publicada pelo Papa Francisco em abril deste ano, além dos objetivos e missão da Pastoral Familiar. Na oportunidade, serão apresentadas, ainda, as realizações da Pastoral em cada Diocese e Arquidiocese.

Confira aqui a programação completa da 20ª Assembleia da Pastoral Familiar do Nordeste 3.

Página 1 de 212