GUANAMBI - SÃO GERALDO MAJELLA
17-10-2017
São Geraldo Majella, em Guanambi, é 37ª paróquia da Diocese de Caetité
GUANAMBÍ – SANTO ANTÔNIO
17-10-2017
Paróquia Santo Antônio de Guanambi realiza Assembleia Paroquial
Notícias
17-10-2017
Cavalgada, em Sebastião Laranjeiras, homenageia Nossa Senhora Aparecida
DIOCESE
17-10-2017
NOTA DE ESCLARECIMENTO
HORÁRIO DE MISSA

GUANAMBI - SÃO GERALDO MAJELLA

São Geraldo Majella, em Guanambi, é 37ª paróquia da Diocese de Caetité

17-10-2017 | Por PASCOM Guanambi

A elevação canônica da nova paróquia foi nesta segunda-feira, dia de São Geraldo Majella. Foto: PASCOM

Nesta segunda-feira, 16 de outubro, dia em que a Igreja celebra a memoria litúrgica do glorioso São Geraldo Majella, foi instalada canonicamente a 37ª paróquia da Diocese de Caetité. A Paróquia São Geraldo Majella, desmembrada da Paróquia Santo Antônio de Guanambi, tem sede no Bairro Brasília e é formada por 25 comunidades, urbanas e rurais.

A criação desta Paróquia vem de encontro com as grandes necessidades da comunidade católica de Guanambi, em atender e evangelizar as comunidades de base que existem na cidade. Agora, com duas áreas paroquiais, a cidade passa ao processo de fortalecimento dos trabalhos pastorais da Paróquia Santo Antônio e da Paróquia São Geraldo Majella.

A celebração contou com 4 ritos. Procissão, Instalação Canônica, Celebração Eucarística e posse do novo pároco.

A Solenidade foi presidida por Dom José Roberto Silva Carvalho, bispo da Diocese de Caetité, e concelebrada pelos padres  Eutrópio Aécio de Carvalho Souza (Guanambi), Mons. Alex Adriano (Vigário Geral da Diocese e Pároco da Paróquia Santo Antônio em Guanambi), Osvaldino Caetano (Pindai), Reinaldo de Oliveira (Caculé), Waldech Gondim (Chanceler da Cúria e Pároco da Paróquia Nossa Senhora Aparecida em  Caetité), Rafael Almeida (Jacaraci), João Souza (Tanque Novo), Paulo Henrique de Souza (Igaporã), Sátiro Bezerra (Reitor do Seminário São José em Caetité) e os Padre Maristas Arnaldo, José Maria e Patrick.

Após a criação da paróquia, Dom Carvalho anunciou e empossou o padre Eutrópio Aécio como primeiro pároco, renovando as promessas do ministério presbiteral, fazendo sua profissão de fé e o Juramento de Fidelidade e recebendo do bispo os livros de registros e alguns instrumentos para expressar as suas responsabilidades em administrar pastoralmente e espiritualmente a nova paroquia.

Confira mais fotos aqui.

GUANAMBÍ – SANTO ANTÔNIO

Paróquia Santo Antônio de Guanambi realiza Assembleia Paroquial

17-10-2017 | Por Wicley Martins/PASCOM Guanambi

Representantes de todas as comunidades, pastorais, movimentos, entidade e associações participaram da Assembleia. Foto: Igor Nunes/PASCOM

No último domingo, 15 de outubro, representantes de todas as comunidades, pastorais, movimentos, entidade e associações da Paróquia Santo Antônio de Guanambi estiveram reunidos no salão São José, para a sua Assembleia Paroquial, a fim de avaliar e planejar os projetos pastorais para os próximos anos.

A assembleia foi presidida pelo Mons. Alex Adriano, pároco, que destacou a missionariedade como principal urgência em nossa caminhada pastoral.

A assembleia iniciou por volta das 8h30 com a acolhida dos participantes, café e um momento de oração, a partir do texto bíblico do encontro de Jesus com a Samaritana (Jo 4, 5-43), que introduziram os coordenadores na reflexão sobre a necessidade de se perceber a realidade que a Igreja está inserida e a exigência da evangelização se dar por meio da humildade, acolhimento, criatividade e capacidade dialogal que, a exemplo do que aconteceu no encontro entre Jesus e a Samaritana, facilitem um caminho que possibilite à conversão, sendo a Igreja em saída, sem nos acomodarmos a um modelo único e constante.

Em seguida, o padre Eutrópio Aécio explanou um retrospecto do Projeto Diocesano de Evangelização 2013/2016 e apresentou a temática da assembleia: “Igreja: Casa de Iniciação à Vida Cristã”, em sintonia com as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora, aprovada pela 55ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Após a mediação do padre Eutrópio, os participantes foram convidados a discutir por meio de grupos, o questionário preparatório para a 10ª Assembleia Diocesana de Pastoral que acontecerá entre os dias 10 e 12 de novembro, em Caetité.

Após o almoço, a Assembleia retornou com a plenário das avaliações, seguida de uma conversa sobre a Instalação Canônica da Paroquia São Geraldo Majella em Guanambi e foi encerrada com a eleição dos novos representantes de leigos.

Notícias

Cavalgada, em Sebastião Laranjeiras, homenageia Nossa Senhora Aparecida

17-10-2017 | Por PASCOM Sebastião Laranjeiras

A festa contou com uma cavalgada em homenagem à Mãe Aparecida. Foto: PASCOM

A Paróquia Santo Antônio, em Sebastião Laranjeiras, celebrou, no dia 12 de outubro, os 300 anos do encontro da Imagem da mãe Aparecida, em comunhão com toda a Igreja no Brasil. A programação do dia festivo começou às 9h com uma belíssima cavalgada por várias ruas da cidade e uma marcante presença dos fiéis católicos da cidade e das comunidades rurais.

Depois, chegando à Praça da Matriz, houve a entronização da imagem de Nossa Senhora Aparecida na Igreja Matriz levada pela Irmã Marineide, acompanhada pelas crianças, onde permaneceu o dia todo para visita e oração dos devotos. Houve, ainda, benção e momento de recreação e lanche para as crianças.

Ao meio dia, a comunidade se reuniu para a oração do Angelus, repicar do Sino e queima de fogos. Foi, também, servida uma deliciosa feijoada e, no final da tarde, por volta das 17h, aconteceu a procissão e Missa campal presidida pelo Administrador Paroquial, padre Sandro Lima.  Durante a homilia o padre Sandro chamou atenção da comunidade paroquial para os fatos atuais que estão acontecendo como, por exemplo, a “exposição de arte moderna” que está ferindo a moral e a dignidade humana e cristã e, especialmente, de nossas famílias.

O dia festivo foi encerrado com barraquinhas, show ao vivo e sorteio de dois prêmios.

DIOCESE

NOTA DE ESCLARECIMENTO

17-10-2017 | PASCOM DIOCESANA

Diocese de Caetité

A Diocese de Caetité, por meio de sua assessoria de comunicação, informa a toda comunidade que não houve ato de recebimento de nenhuma doação de terreno da Prefeitura Municipal de Guanambi e que qualquer doação observará como de costume, de maneira rigorosa, a legalidade da mesma, não aceitando nenhuma doação de forma ilícita ou que tenha sua origem na má fé.

BRUMADO – SENHOR BOM JESUS

Comunidade São Cristóvão, em Brumado, celebra festa de Nossa Senhora Aparecida

17-10-2017 | Por Osmarlene Bonfim/PASCOM Brumado

Centenas de fiéis participaram da Celebração Eucarística e da procissão com a imagem da Mãe Aparecida. Foto: Diego Fagner/PASCOM

A Comunidade São Cristóvão, em Brumado, celebrou, com grande alegria, os 300 anos do aparecimento de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, nas águas do Rio Paraíba do Sul. Depois de 12 noites de festa refletindo o tema “Jubileu 300 anos de bênçãos”, a Comunidade São Cristóvão recebeu, no dia 12 de outubro, centenas de fiéis para a Celebração Eucarística, que aconteceu logo após a procissão pelas ruas da cidade com a imagem da Mãe Aparecida.

A solenidade foi presidida pelo pároco, padre Cleonídio, que tão bem refletiu o Evangelho de São João, as Bodas de Caná, o primeiro sinal de Jesus, marcado pela presença de sua Mãe Maria que disse “Fazei o que Ele vos disser”. Ao final da celebração foram abençoados os pãezinhos e distribuídos aos fiéis, num gesto de partilha.

CAETITÉ - NOSSA SENHORA APARECIDA

Paróquia NS Aparecida: atendimento paroquial e agenda

16-10-2017 | Por PASCOM

Foto: PASCOM/Paróquia Nossa Senhora Aparecida

Criada a Paróquia Nossa Senhora Aparecida, em Caetité, o atendimento do padre Waldech Gondim, designado Pároco da nova Paróquia, deve continuar ainda por algum tempo na Secretaria Paroquial da Paróquia Sra. Santana – Catedral, nas quintas e sextas-feiras; o mesmo vale para inscrições de celebrações de Batismos e Casamentos da nova Paróquia, até que a secretaria paroquial da Paróquia N Sra. Aparecida seja instalada e pronta para funcionamento.

 

DIOCESE

Padre Waldech toma posse como primeiro pároco da nova paróquia, em Caetité

16-10-2017 | Por PASCOM/Paróquia Nossa Senhora Aparecida

O padre Waldech Godim será o primeiro pároco da nova Paróquia. Foto: PASCOM

Após a leitura do Decreto de criação da nova Paróquia Nossa Senhora Aparecida em Caetité, em Solene celebração Eucarística, o padre Waldech Brito Gondim, após receber os Livros de Registros da nova Paróquia, tomou posse como pároco.

A celebração contou com a presença dos Padres João Sá – pároco da Catedral, Eutrópio Aécio – vigário paroquial em Guanambi; Pe. Arnaldo, SM – paróquia de Monte Alto, e o Monsenhor Adhemar – vigário paroquial em Caetité.

O padre Waldech para expressar as suas responsabilidades em administrar pastoral e espiritualmente a nova paróquia, recebeu alguns instrumentos das mãos do Bispo Diocesano: o Livro dos Evangelhos, a Sede presidencial, a estola, a chave do sacrário, os óleos dos catecúmenos e dos enfermos, bem como a estola roxa e os Rituais sacramentais, e por fim os documentos da nova paróquia. Nesta celebração, assumindo, a missão de pároco, o padre Waldech renovou diante do Bispo as promessas do ministério presbiteral, fazendo a Profissão de fé e o Juramento de Fidelidade.

Momento de muita emoção, fé e devoção a Nossa senhora Aparecida, as festividades acontecem no Ano Nacional Mariano, em que se comemora os 300 anos da aparição da imagem de Nossa Senhora Aparecida no Rio Paraíba do Sul – SP.

DIOCESE

Elevação Canônica da Paróquia NS Aparecida, em Caetité, reúne multidão de fiéis

16-10-2017 | Por Zeomário Teixeira/PASCOM Caetité

A Paróquia Nossa Senhora Aparecida é a terceira paróquia criada este ano na diocese. Foto: Foto Estrela

Os devotos da Padroeira do Brasil, em Caetité, participaram da elevação canônica da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, no último dia 12 de outubro. O ato foi conduzido por Dom José Roberto Silva Carvalho, Bispo da Diocese de Caetité, e contou com a presença de padres do clero diocesano, autoridades civis e uma multidão de católicos.

A procissão com a Imagem Peregrina de Nossa Senhora Aparecida, a mesma que visitou toda diocese, saiu da Avenida Olimar Oliveira, no entardecer daquele dia Santo, até a então capela de Nossa Senhora Aparecida. Foi uma caminhada de muito louvor a Deus e agradecimento a proteção da Mãe Aparecida nestes 300 anos de graças. Na chegada à Capela aconteceu o tão esperado ato de elevação da Nova Paróquia.

Ao anoitecer do dia 12 de outubro, a multidão de fiéis escutou Dom Carvalho dizer: “Aqui já é paróquia. Não pertence mais a catedral. Agora é uma paróquia independente. Claro que na mesma cidade tem que caminhar numa dimensão de comunhão e participação. Mas tem sua independência canônica.” Ainda neste mesmo ato da criação da paróquia, foi declarada que a Igreja localizada na Avenida Paraná, nº 579, Bairro Ovídeo Teixeira, será a Matriz Provisória da nova Paróquia.

A Missa Solene em louvor à Padroeira do Brasil foi realizada em seguida e ficou registrada como a primeira Missa Celebrada na nova paróquia. No decorrer da celebração eucarística, o Padre Waldech Brito Gondim, chanceler da cúria, tomou posse como primeiro pároco da recém-criada paróquia. Ao terminar a Santa Missa, Dom Carvalho ressaltou que a Imagem Peregrina de Nossa Senhora Aparecida, cópia da imagem original do Santuário Nacional de Aparecida, que pertence ao patrimônio diocesano, ficará sob os cuidados da Paróquia Nossa Senhora Aparecida.

A Paróquia Nossa Senhora Aparecida fará limites com a Paróquia Sra. Santana – Catedral e com os municípios de Lagoa Real, Livramento de N Sra., Paramirim, Taque Novo e Igaporã.

 

Notícias

Urandi celebra jubileu de 300 anos da devoção à Nossa Senhora Aparecida

14-10-2017 | Por Idalina Gonçalves/PASCOM Urandi

No último dia 12 de outubro, os devotos de Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil, da Paróquia Santo Antônio de Urandi, festejaram o Jubileu de 300 anos de aparição de sua imagem, marcada com a celebração da Santa Missa, presidida pelo Padre Alessandro Alves, que ressaltou a figura de Maria, para além das Bodas de Canã, resumindo toda a orientação que Ela, Mãe de Jesus e Mãe dos homens, dá aos seus filhos continuamente.

Na oportunidade foram comemorados os 99 anos de emancipação política do município de Urandi, seguida da procissão, que contou com a participação de todas as Comunidades, que louvaram a Perfeita serva do Senhor, obediente até o fim ao seu Deus, a qual não cessa de exortar e ajudar os homens a fazerem o mesmo: Fazei tudo o que ele vos disser (Jo 5: 2).

MALHADA DE PEDRAS – SENHOR BOM JESUS

Paróquia de Malhada de Pedras celebra Solenidade de Nossa Senhora Aparecida

13-10-2017 | Por Anderson Ferreira/PASCOM Malhada de Pedras

 

Em Malhada de Pedras, a celebração dos 300 anos da devoção à Nossa Senhora Aparecida reuniu um grande número de devotos. Foto: Anderson Ferreira/PASCOM

Os 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida por três humildes pescadores nas águas do rio Paraíba foram celebrados nesta quinta-feira (12), dia em que a Igreja Católica dedica à santa padroeira do Brasil. Em Malhada de Pedras, Paróquia Senhor Bom Jesus, os devotos se concentraram na praça da Matriz, no início da noite, para a missa solene e procissão em homenagem à Mãe Aparecida.

Alda Lucinda de Souza, 73, devota de Nossa Senhora Aparecida desde criança, participou da celebração. “Aprendi com meus pais e padrinhos a devoção à Maria, que todos os dias rezavam o terço, e também com meu avô paterno. Ele tinha, em casa, uma capelinha de Nossa Senhora Aparecida. Uma das últimas lembranças que tenho dele é, junto à imagem, ajoelhado e chorando”, conta.

Depois de passar por momentos difíceis na vida pessoal, dona Alda diz que agora quer apenas agradecer. “Eu só tenho a agradecer a Nossa Senhora Aparecida por todas as graças recebidas. Eu amo a minha Mãe do céu de todo o coração. Sempre que estou angustiada conto com ela e ela sempre me atende”, diz.

A celebração foi realizada na praça da Matriz, seguida de procissão pelas ruas da cidade. Foto: Anderson Ferreira/PASCOM

O administrador paroquial, padre Edson Rocha, comentou sobre o tricentenário de devoção à Nossa Senhora Aparecida. “A história da Virgem de Aparecida é muito importante para nós porque revela a nossa identidade como povo que cultiva a sua fé e a sua religiosidade. São 300 anos de fé e milagres pela intercessão da Mãe Aparecida”, disse o padre. “Assim como ela foi encontrada por uma rede, que essa rede também se estenda ao nosso coração, a nossa vida, a nossa caminhada de católicos. Que a Senhora Aparecida continue a resplandecer na vida e na história de seu povo o desejo de construção de uma sociedade mais livre e mais igualitária”, pediu o padre.

Confira mais fotos.

 

Página 1 de 5712345...102030...Última »